Coluna Roraima Alerta

14 de setembro de 2018


- Arquivo/ Roraima em Tempo

PODE TUDO?

Se for verdade, a Justiça Eleitoral vai ter muito problema. Nos grupos de WhatsApp corre a notícia que o pessoal ligado à Suely Campos estaria oferecendo R$ 500 como forma de compra de votos. Se isso for verdade, aquela história de que ela teria R$ 7 milhões para a boca de urna pode ser verdadeira também. Como ninguém ainda tem provas disso, é bom que a própria Justiça Eleitoral abra os olhos, porque onde há fumaça, há fogo.

FAKE?

Ainda segundo as notas publicadas, o Ministério Público Eleitoral teria recebido denúncia grave, com provas documentais e testemunhais de que a candidata ao governo Suely Campos (PP) estaria comprando votos nos bairros da periferia de Boa Vista. Equipes de rua da candidata fariam cadastro e ofereceriam a quantia de R$ 500. O valor seria pago pelos filhos da governadora que iriam pessoalmente às casas visitadas.

FAKE I?

Outra informação que corre às soltas na Internet é a de que Suely Campos, que disputa sua reeleição, estaria anunciando em suas reuniões de campanha que vai entregar 50 mil cartões de crédito social. A distribuição seria feita pelos deputados da base da governadora, em uma espécie de mutirão para atender a todos antes do dia 7 de outubro.

LEMBRAR

É bom lembrar que logo no início da sua administração, Suely Campos excluiu mais de 25 mil famílias do crédito social, um benefício que vale R$ 120, e uma de suas promessas na campanha anterior ao governo era aumentar o valor e estendê-lo a mais pessoas, o que não aconteceu.

ATRASOS

Outro fato que chama a atenção é que durante toda a sua gestão, a governadora cansou de atrasar o pagamento do crédito social e somente em períodos eleitorais ela atualiza o pagamento e faz promessas de aumento.

PROMESSA

Emília Campos, filha de Suely, foi outra que prometeu durante uma reunião política aumentar o valor do crédito social e estendê-lo a mais pessoas. Um dos participantes de uma dessas reuniões gravou um vídeo que comprova a denúncia que foi feita à Justiça Eleitoral.

ENERGIA

Em Roraima, muitas pessoas desinformadas tentam criar fatos que não são verdadeiros a respeito da energia no Estado. Informação oficial confirma que o problema está acontecendo na Venezuela e que a falta de manutenção nas torres é a responsável pelos cortes no fornecimento.

ENERGIA I

Quando ocorre o corte, fato que não é avisado com antecedência, a Eletrobras leva cerca de 18 minutos para ligar seus geradores e restabelecer a energia. Gente que não tem o que fazer fica tentando culpar A ou B e depois fica se arvorando imparcial.

PRISÃO

Outra frente de campanha de Suely Campos é tentar colocar seu marido em regime semiaberto. O Conselho Penitenciário Estadual foi mudado e essa mudança fez com que ela fosse acionada na Justiça.

ESTRANHO

Essa ação do Ministério Público que obriga o município a apresentar e executar programa de monitoramento com o fim de se verificar, trimestralmente, qual o real número de pessoas vivendo em situação de rua na Capital é muito estranha. Isso já é feito, mas quem tem a verdadeira obrigação é o governo federal.

VEJA TAMBÉM...