Em Tempo de ser Mãe

Em Tempo de Ser Mãe 08.11.18

Créditos: GABRIELA MARCONDES

Um, dois, três e contando...

Olá meus queridos leitores, sou Gabriela Marcondes, formada em Publicidade e Propaganda e jornalista do Jornal Roraima em Tempo. Estou grávida e, a partir de hoje, este espaço será meu diário compartilhado com vocês onde desvendaremos este lindo universo cheio de mudanças constantes que é o período de nove meses até a chegada do neném. Trago-lhes informações sobre o universo das gestantes e também sobre meu mundo: mãe de primeira viagem e com muito que aprender. Por isso, estou aberta a sugestões e responder suas dúvidas, mãezinhas e paizinhos. Para isso, é só entrar em contato comigo pelo telefone (95) 99166-6283. Vamos contando os dias e até a próxima quinta!  



O primeiro ultrassom, com nove semanas e um dia

 

 

O teste de gravidez indicando positivo

 

 "Convido vocês para juntos descobrirmos o que este meses nos esperam"

 

DESCOBRINDO A GESTAÇÃO

Esta primeira edição será mais um depoimento de como todo este processo gestacional vem mudando meus dias. Nas colunas seguintes trarei novos temas com palavras de especialistas para desvendar as dúvidas que toda mãe de primeira viagem tem.

Acredito que o amor de mãe, esse amor puro e sincero, vai se criando e aflorando com o tempo. No momento em que descobrimos a gestação se acende um botão de alerta e você entende que a partir daquele momento seu corpo não é mais só seu.

Descobri que estava gestante no dia 23 de setembro através de um teste de gravidez de farmácia. No dia seguinte, fiz o exame de sangue e também deu positivo. Estava com cinco semanas. Antes de fazer o teste eu esperei minha menstruação atrasar. Ela sempre vinha nos dias certos e, por isso, comecei a desconfiar do atraso. Após cinco dias eu fiz o teste, num domingo às 6h15 na hora que acordei (é recomendado fazer o teste utilizando o primeiro xixi da manhã). Ao fazer todos os procedimentos que a embalagem do teste de farmácia indicava apareceram duas linhas rosa, o que apontava para uma gravidez.

Atualmente estou com 11 semanas, exatamente 81 dias. Acredito que nada te prepara para ser mãe, quando você descobre que tem uma sementinha crescendo dentro de você talvez passem inúmeras coisas pela sua cabeça. Será que vai dar certo? Vou ser boa mãe? Meu Deus quero que tenha muita saúde e por aí vai... Se eu dissesse que essas perguntas não passaram pela minha cabeça estaria mentindo, porque assim que o teste de farmácia deu positivo eu simplesmente sorri, me deitei e esperei meu marido acordar para contar a ele (estava meio que em choque).

No dia seguinte fiz o exame de sangue no laboratório e novamente deu positivo. Para a maioria das mães esse teste já daria uma certeza de que tem um bebê a caminho, mas para mim não era suficiente, eu precisava do ultrassom. Com nove semanas eu fiz o procedimento e lá estava ele: uma pequena vida se mexendo dentro de mim e crescendo. Escutar as batidas do seu pequeno e forte coração me deu a certeza de que seria mãe e que não eram apenas gases (riso).

Agora, no dia 26 de novembro faço dois anos de casada. A gestação não foi planejada, mas era esperada, eu já não estava tomando anticoncepcionais e deixei a porta aberta para que quando fosse da vontade de Deus, ele me permitisse ser mãe. O que ouço das pessoas ao meu redor que já têm filhos é que nossa vida dará um giro de 180 graus, que nada será o mesmo. Acredito que sim, muita coisa irá mudar para melhor! Agora seremos uma família e mesmo sendo leigos no assunto estamos conscientes de que teremos que cuidar muito dessa vida que está se gerando dentro de mim.

Estou tendo uma gravidez saudável, não me permito fraquejar e continuo fazendo minhas coisas normalmente, só com um pouco mais de atenção. Gravidez não é doença! É benção! Então, não podemos utilizar esta condição para nos aproveitar, esse é meu pensamento.

O QUE NINGUÉM TE CONTA

Ser uma mãe de primeira viagem te dá o título de "leiga total". Todos irão te dar dicas e pitacos, a maioria saberá mais do que você e irá dizer que precisas se alimentar por dois a partir de agora... Acredite: isso de comer por dois não é real!

Ninguém te conta que na primeira febre que te der por sua imunidade ter baixado surgirá um desespero, pois teu corpo já não é só teu e ele precisa estar saudável para a vinda de um novo ser. Você irá sentir cólicas e com ela irão vir algumas preocupações, porque mãe de primeira viagem só tem achismos, a gente não tem certeza de nada. No começo, as cólicas são frequentes, tipo as da menstruação, elas não devem ser muito fortes, se forem, consulte rapidamente seu médico.

Você terá que passar a monitorar seu corpo e principalmente seu xixi, precisa estar atenta a qualquer mancha de sangue ou um derrame, pois isso pode significar deslocamento de placenta, uma gravidez ectópica ou um possível aborto. É preciso ir ao médico com urgência.

Os primeiros três meses da gravidez são os que precisam de mais atenção e cuidado. É quando o bebê está se formando e se vê por meio dos ultrassons e exames se tudo está bem com ele e com você. Afinal, você é o veiculo do seu bebê. É preciso que a mãe esteja saudável para que o embrião, que logo se transformará em feto, esteja bem. Prepare-se para tomar mais vitaminas e ir com mais frequência ao banheiro (dá muita vontade de fazer xixi!). O ácido fólico e o sulfato ferroso serão seus suplementos chave e não pode esquecer de tomá-los!

No período de 9 a 10 semanas os enjoos são constantes. Fazer o café da manhã e o almoço será uma verdadeira luta, pois a mistura de cheiros provocará muita vontade de vomitar. Eu continuei fazendo tudo, mas perdia a fome e só comia as minhas refeições porque tinha que me alimentar, mas tudo que eu ingeria era sem vontade e com muito nojo.

Os cheiros realmente me deixavam indisposta. Já na 11ª semana começam a melhorar (eles não acabam, mas dão uma trégua para você voltar a gostar de comer). Claro que, toda grávida é diferente, por isso, as coisas podem mudar. Tem mulheres que não sentem nenhum enjoo durante a gestação, enquanto outras os apresentam quase a gravidez toda. Eu estou falando do que aconteceu e está acontecendo comigo, com meu organismo.

COMO AMENIZO OS ENJOOS

Água de coco se tornou meu cálice mágico. Se tem uma coisa que revigora uma mulher gestante é a água de coco, além de super hidratar, este líquido ameniza muito os enjoos e proporciona bem-estar. Neste clima quente, ele cai muito bem.

Cheirar casca de limão também me ajuda a controlar o enjoo. Pego um limão e fico cheirando o fruto até passar meu mal-estar. Recebi essa dica da minha mãe e tem funcionado bastante.

Uma alimentação adequada, evitar passar muitas horas sem comer, aliviam também os sintomas de enjoos. Mas não se preocupe muito com eles, você não está doente e nem será assim sempre, seu corpo está passando por diversas transformações para preparar seu útero para abrigar bem seu bebe. Então, tranquiliza que faz parte do processo. Bem-vinda ao mágico e trabalhoso mundo de ser mãe!

VITAMINAS QUE EU TOMO

Ácido Fólico; Sulfato Ferroso; Ômega Três e manipulados que contêm outras vitaminas e minerais que preciso para ter uma gestação saudável e proporcionar uma boa qualidade de vida ao meu bebê. Importante destacar que, essa minha suplementação é toda orientada pela minha obstetra e nutricionista, nada é invenção minha ou porque vi na internet, você mãe nesta etapa da sua vida não pode se automedicar! A ingestão de medicamentos não autorizados por um médico ou profissional capacitado podem por em risco sua vida e a do seu bebe, então preste bastante atenção.

CHUVA DE EXAMES NO PRIMEIRO MÊS

Assim que descobrir sua gravidez e começar o pré-natal você terá que fazer uma bateria de exames para ver se está tudo bem com você e com o bebê e se a gravidez é saudável. Eu particularmente optei por ter acompanhamento num posto de saúde da Prefeitura, perto da minha casa, no Bairro Aparecida, lá o atendimento funciona da seguinte maneira, primeiramente você será atendida por um enfermeiro que fará todo teu cadastro, irá ver teu peso e medir tua pressão e você fará testes rápidos de glicose e de doenças sexualmente transmissíveis, tudo no laboratório. No mês seguinte você terá o acompanhamento de uma médica e assim vai. Um mês eu sou atendida por uma enfermeira e no outro por uma médica. Tenho me sentindo bastante bem nas consultas, o atendimento tem sido adequado e as instalações são bastante limpas. Ah! Você irá ganhar o ácido fólico e o sulfato ferroso, além de repelentes para você se proteger dos mosquitos que transmitem a dengue, já aí alivia um tanto seu bolso. Os exames e ultrassom você também pode fazer pelo serviço publico, eu optei por fazer pelo meio particular para saírem mais rápido, mas tudo depende da sua condição financeira.

No posto ganhei uma linda Guia da Gestante onde eu coloco meus dados e carrego comigo para cima e para baixo, ela será tipo sua identidade. Ao você decidir fazer seu pré-natal num dos postos da Prefeitura de Boa Vista, você pode entrar para o programa Mãe que Acolhe onde há vários benefícios não só no período da gestação, mas também após o nascimento do bebe e isso é fantástico porque ajuda a mãe a entender todo esse processo de mudança interna e externa.

Respire e não pire! Se for mãe solteira tome como apoio a sua família e acredite na sua força! Esse bebe irá te transformar de uma maneira que você irá descobrir o real poder que há em você. Na próxima edição trarei informações mais especificas para vocês, com palavras de especialistas para te dar mais um alivio. Você não precisa passar nove meses sofrendo! Vamos fazer com que seus nove messes e os meus, sejam os mais lindos da nossa vida! A gente se vê na quinta-feira e vamos contando os dias!