Errou

Errou 31.01.2018


O Departamento Penitenciário Nacional que jogou pertences de reeducandas da Cadeia Pública Feminina. A atitude perpassa a garantia de direitos humanos, tendo em vista não deixarem os familiares retirar do local os bens que, nitidamente, foram constatados pela reportagem em perfeito estado de conservação. Não responder aos questionamentos deste jornal é deixar vaga a lacuna da informação à sociedade.

 

VEJA TAMBÉM...