Índio desaparecido há uma semana é achado morto dentro d’água em buritizal em Alto Alegre

Foto: Divulgação
Corpo de Miguel Xirixana foi encontrado ontem à tarde. Conforme informou o delegado Wulpslander Trajano, a vítima estava desaparecida há oito dias

O índio Miguel Xirixana, 41, da etnia Xirixana, que estava desaparecido desde quinta-feira da semana passada, foi encontrado morto nesta quinta-feira (20), a poucos quilômetros da sede do município de Alto Alegre, Norte de Roraima. O corpo dele foi achado por moradores da região dentro d’água em um buritizal.

Policiais militares e civis do município foram para o local. O delegado Wulpslander Trajano falou com a reportagem do Jornal Roraima em Tempo no fim da tarde e disse, que tão logo foi informado sobre a ocorrência, acionou as equipes da Perícia e do Instituto de Medicina Legal (IML) em Boa Vista.

Ainda nesta quinta, ao fim do trabalho dos peritos, o corpo do índio foi retirado do local pelos funcionários do IML e removido para Boa Vista para a realização do exame cadavérico a fim de determinar a causa da morte.

O delegado adiantou que a suspeita principal é de homicídio e hoje mesmo iniciou a investigação para identificar o autor do crime.

“Informações preliminares indicam que houve homicídio e ocorreu em uma área de chácaras localizada a cerca de dois quilômetros da cidade. O corpo foi localizado na mesma região”, destacou o delegado.

Até o fechamento desta matéria, nenhum suspeito tinha sido preso nem identificado. A equipe do IML também não havia chegado a Boa Vista e, conforme uma funcionária do instituto, somente nesta sexta-feira (21) deve ser feito o exame cadavérico.

Nonato Sousa
nonato@roraimaemtempo.com