Mundo

Trump decide fechar escritório da OLP em Washington

A decisão de fechar a embaixada da OLP ocorre depois que os líderes da Autoridade Palestina (AP) cortaram o contato com o governo dos Estados Unidos


Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump - The Washington PostAp Photo/Sputnik/Greg Allen

O governo dos Estados Unidos anunciou hoje (10) o fechamento da missão da Organização de Libertação da Palestina (OLP) em Washington (EUA).

Em comunicado, o secretário-geral da OLP, Saeb Erekat, classificou a iniciativa como "escalada perigosa".

"Esta é mais uma afirmação da política do governo Trump para punir coletivamente o povo palestino, inclusive cortando o apoio financeiro para serviços humanitários, incluindo saúde e educação."

A decisão de fechar a embaixada da OLP ocorre depois que os líderes da Autoridade Palestina (AP) cortaram o contato com o governo dos Estados Unidos e de o presidente Donald Trump reconhecer Jerusalém como a capital de Israel em dezembro do ano passado.

Organização
Criada em 1963, a OLP foi fundada pela Liga Árabe na tentativa de reunir os vários grupos palestinos que defendem a autodeterminação. É uma entidade política e paramilitar.

Para Erekat, a ordem de fechar o escritório da OLP em Washington mostra o quanto a administração Trump está disposta a ir contra os palestinos.

VEJA TAMBÉM...