Notícias Locais

Alunos da rede estadual de ensino em Roraima podem aproveitar tempo vago para estudar em casa

Educadores explicam que é possível estudar conteúdos do ano anterior e priorizar a leitura e exercícios de matemática


Exercícios práticos podem ser desenvolvidos em casa com ajuda dos pais - Divulgação

Dia 7 de março começa o ano letivo da rede estadual de ensino em Roraima. Quem estuda na rede municipal e privada já está estudando. Segundo professores entrevistados pela reportagem do Roraima em Tempo, é possível aproveitar o tempo em casa para aprimorar os estudos.

Para os pais que estão preocupados que os filhos passem muito tempo em casa, o professor de matemática Andrés Figueroa Sáles destacou que para esta situação é preciso da atenção dos pais para que a criança ou adolescente possa desenvolver determinadas atividades que o auxiliem na volta às aulas e, assim, não perca tempo de estudo.

"É importante que as crianças e adolescente possam aproveitar esse mês de 'férias' para dar uma olhada nas matérias básicas que foram administradas no ano passado, como por exemplo, português e matemática, e encontrar a maneira de que não descansem tanto o cérebro e as ideias", disse o professor Andrés.

Para ter esse engajamento das crianças e adolescentes os pais têm que encontrar um tempo disponível para sentar à mesa com os filhos e ajudá-los nos estudos. Dependendo do aluno, é possível que o responsável deixe uma atividade durante a manhã para que ele faça e depois diga que fará a revisão durante o horário do almoço ou de noite.  

"O tempo de inatividade acadêmica da criança e adolescente é um tanto preocupante, pois quando começam as aulas o professor tem que fazer milagres para captar a atenção do estudante que já vem acostumado de um longo período de férias, mais ainda no ensino médio,  onde os conhecimentos são contínuos e é preciso que em casa seja feito um resumo dos estudos anteriores. Os pais podem criar um planejamento em casa para que pelo menos, uma hora por dia, ajudem o filho a repassar conteúdos anteriores", explicou o professor.

O professor integral Wanderson Souza da Silva segue a linha de que é possível que a criança ou adolescente estude em casa e aproveite o tempo vago, mas ressaltou que é preciso que o pai verifique a série que o filho vai cursar.

"E sempre bom os pais verificarem a série e procurar em livros que vão ser estudados naquele período, para que o aluno retorne à sala de aula sabendo um pouco do conteúdo. Fazer esse exercício de leitura de textos é um ótimo exercício, pois treina a escrita e leitura. A minha sugestão para a leitura de livro é 'O jogo Duro', livro que conta um pouco da história dos negros na história do Brasil", concluiu o professor Wanderson da Silva.

ESTUDO ALTERNATIVO

A internet é um mundo aberto para que pais possam escolher exercícios de diversas disciplinas e aplicá-las ao estudo. Assim como livros didáticos que reforcem essa educação em casa até o aluno voltares às aulas.

"A disciplina de matemática, por exemplo, tem quatro operações básicas que orientam qualquer atividade na área: adição, subtração, multiplicação e divisão. Dependendo do grau de cada aluno, existem exercícios de aplicação de cada uma dessas operações que se adaptam ao nível da criança ou adolescente. Se o aluno consegue entender o processo das quatro operações, todo exercício gerado a partir delas serve para o estudo em casa", indicou o professor Andrés Figueroa.

Vale ressaltar que o professor Andrés tem uma filha em casa que está aguardando pelo começo das aulas. Ele contou que a filha de 11 anos lê e pratica diversos exercícios e que a mesma se sente chateada e ansiosa por ter que esperar tanto para iniciar as aulas. A filha do professor é natural da Venezuela e este será o primeiro ano de Estudo no Brasil.

"Com minha filha, diariamente oriento ela a fazer um resumo de um texto em português e depois leia o conteúdo para se familiarizar com o idioma. Também faço com que ela resolva exercícios matemáticos para se manter atualizada nos estudos", finalizou Andrés Nicolas.

SEE ALSO ...