Notícias Locais

Criminosos atiram em desafeto e acabam matando jovem dona de casa

Assassinos chegaram ao local numa moto e começaram a atirar na direção de um vizinho da jovem que foi morta


Segundo informações de um agente, a mulher estava sentada quando foi baleada; tiro era para um homem que entrou correndo na casa dela - Reprodução/Redes Sociais

Até o início da noite desta terça-feira (9), quase 24 horas depois da morte da dona de casa Thayse Rayane Dantas Silva, 25, mais uma inocente vítima da ação do crime organizado em Roraima, a Polícia Civil não prendeu nem identificou nenhum suspeito do crime. O caso está sendo investigado pela Delegacia Geral de Homicídios (DGH). Quem tiver informação que possa ajudar a polícia a identificar e localizar os criminosos, deve ligar para os telefones 190 e 197.

Thayse Silva foi baleada com um tiro no abdome por volta das 21h de segunda-feira (8). Ela na calçada na frente de casa na Avenida dos Garimpeiros, no bairro Alvorada. Segundo a reportagem do Roraima em Tempo apurou com um dos agentes da DGH, o tiro que acertou a dona de casa tinha outro destino. Seria para D.M.S., 29, que é vizinho dela e já esteve preso por envolvimento com o tráfico de drogas. Ele também foi baleado com no ombro, mas após receber cuidado médico foi liberado na mesma noite.

Segundo o relatório dos policiais militares que também atenderam a ocorrência, testemunhas contaram que os tiros foram disparados por um de dois indivíduos que andavam numa motocicleta Titan Fan cinza, de placa não identificada, e fugiram logo depois de descarregar a arma, possivelmente um revólver.

As vítimas foram levadas à Policlínica Cosme e Silva, no bairro Pintolândia, mas Thayse Silva não resistiu à gravidade do ferimento e morreu ainda no local, antes de ser transferida para o Hospital Geral. 

Os policiais foram à policlínica e conversaram com o sobrevivente. Segundo ele, minutos antes dos dois indivíduos aparecerem na Fan cinza, um terceiro suspeito que andava noutra motocicleta vermelha passou pela rua. Pouco tempo depois, a dupla chegou e o garupa começou a atirar. Ele correu e entrou na casa da vizinha, e os dois foram atingidos.

Mais informações na edição impressa do Roraima em Tempo desta quarta-feira (10).

VEJA TAMBÉM...