Notícias Locais

Dados atualizados do sarampo mostram mais de 500 casos notificados em RR

Os números ainda chamam atenção e preocupam devido ao grande fluxo migratório e à falta de vacinação por parte da população


Vale lembrar que o sarampo estava erradicado do Brasil desde 2014 e a doença pode matar - Fabio Calilo/ Roraima em Tempo

De acordo com os últimos dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), os números de casos notificados e confirmados de sarampo seguem aumentando em Roraima. Ao todo, respectivamente, são 516 e 330 em todo o Estado.

Boa Vista é o município com o maior número de casos, tanto notificados (281) como confirmados (164), seguido de Amajari e Pacaraima, com 78 e 59 casos confirmados, respectivamente.

A diferença deste último levantamento para o penúltimo, apesar de pequena, cresceu. Os números ainda chamam atenção e preocupam devido ao grande fluxo migratório e à falta de vacinação por parte da população.

As Unidades Básicas de Saúde (UBS) da capital disponibilizam vacinas para toda a população, mas não conseguiu bater as metas nas últimas campanhas. Há uma grande viralização de ideias contrárias à vacinação que tem contribuído para tal acontecimento. Nas redes sociais, são milhares de pessoas compartilhando de um mesmo pensamento: o de antivacina!

No Facebook, por exemplo, há grupo com quase 12 mil membros para discutir "o lado obscuro das vacinas". Esta ideia dificulta o trabalho de imunização por parte dos profissionais do Estado e dos municípios de Roraima.

Sobre os números na América Latina,  a Venezuela está logo atrás do Brasil. A Argentina está em último lugar, segundo dados do governo, com apenas um caso notificado e confirmado.

Os homens são os mais afetados e a faixa etária que teve mais impacto foi de entre um e quatro anos de idade. As pessoas de nacionalidade venezuelana são as mais atingidas, seguidas dos brasileiros.

Dos 516 casos notificados, 277 são venezuelanos e 236 brasileiros, sendo desses 183 indígenas, de acordo com os dados disponibilizados.

O Estado e o Município de Boa Vista seguem passando as informações para que a população se imunize a fim de que os casos não continuem a crescer. Para quem ainda não conseguiu se imunizar e está pretendendo, basta procurar o posto de saúde mais próximo de casa das 8h às 17h que receberá as vacinas de forma gratuita e estará imunizada contra a doença.

Vale lembrar que o sarampo estava erradicado do Brasil desde 2014 e a doença pode matar. Em Roraima, já foram quatro mortes.

VEJA TAMBÉM...