Notícias Locais

RR sedia 1º Fórum de Política de Habitação de Interesse Social a Moradia Digna

Evento acontece hoje, no auditório da Setrabes e programação segue até as 16h50, com palestras e outras atividades

Créditos: Rikaelly Silva
Chefe da Divisão de Política de Habitação de Interesse Social, Marcos Nery, disse que o estado não tem construído unidades habitacionais - Edinaldo Morais/Roraima em Tempo

Nesta sexta-feira (12), Roraima sedia o 1º Fórum de Política de Habitação de Interesse Social a Moradia Digna. O evento ocorre no auditório da Secretaria Estadual do Trabalho e Bem-Estar Social (Setrabes) e reúne representantes de órgãos relacionados ao tema habitação.

O objetivo do encontro é discutir temas: linhas de crédito do Governo Federal para habitação de interesse social; dificuldades para a concretização da política de habitação social; importância da participação do Conselho de Arquitetura; programa Minha Casa Minha Vida e outros. Todos os assuntos são explanados em forma de palestras.

Segundo o chefe da Divisão de Política de Habitação de Interesse Social, Marcos Nery, faz um tempo que o estado não constrói mais unidades habitacionais e nem desenvolve projetos ou planos para o enfrentamento da problematização de déficit habitacional do estado.

"Diante da sensibilidade que o atual governo tem perante as lutas dos movimentos sociais por uma moradia digna, nos motivou a organizar este primeiro Fórum, que também chamou a atenção do Ministério de Desenvolvimento Regional. Há muito tempo, unidades habitacionais deixaram de ser construídas e pessoas de baixa renda deixaram de ser beneficiadas", disse.

Ainda de acordo com Nery, o Governo Federal está trabalhando para reativação do programa Minha Casa Minha Vida em Roraima, uma vez que o estado mesmo sendo um dos entes da federação, não tem sido beneficiado com recursos federais destinados à habitação.

"Este foi um dos motivos do surgimento do encontro, pois queremos debater e informar sobre as possibilidades da reativação, além de mostrar os benefícios que a iniciativa traz ao estado", detalhou.

São realizadas várias palestras ao longo do dia no 1º Fórum de Política de Habitação de Interesse Social a Moradia Digna. A programação se encerra às 16h50 e é aberta ao público. Estão presentes representantes e gestores da Câmara Municipal, Conselho das Cidades, Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Roraima (CAU-RR), Caixa Econômica Federal e de movimento sociais, além de profissionais de arquitetura e engenharia civil.

POLÍTICA DE HABITAÇÃO

A política habitacional existe quando o Governo realiza uma série de ações, medidas e incentivos para que pessoas ou famílias, que vivem em abrigos provisórios, barracos ou lugares sem saneamento básico, tenham acesso à cidadania e um lugar decente para morar.

Os imóveis construídos dentro desse contexto têm parte subsidiada pelo Governo Federal e o restante é de responsabilidade do morador. A política habitacional busca reduzir o número de cidadãos que vivem em situações degradantes por não ter um local adequado para morar. A exemplo, o programa habitacional Minha Casa Minha Vida.

SEE ALSO ...