Notícias Locais

Taxista intermunicipal é assaltado ao ser atraído por bandido se passando por cliente

Armado com uma pistola, o indivíduo o obrigou a ir ao encontro de outro criminoso no mesmo bairro

Créditos: Nonato Sousa

Um taxista intermunicipal foi assaltado em Boa Vista ao ser atraído por um bandido que se passou por cliente. Conforme o relato da vítima de 31 anos, que teve o nome preservado, na segunda-feira (7) o criminoso fez contato com ele por telefone e marcou uma corrida para o dia seguinte, para Pacaraima, município fronteira com a Venezuela, ao Norte de Roraima.

Conforme combinado, na manhã de terça-feira (8), dia do crime, quando o taxista seguia para a casa do falso passageiro, o bandido fez novo contato reforçando a corrida e disse que já o aguardava. Logo depois, o taxista chegou à casa que fica no bairro Doutor Silvio Leite. Ele já estava com uma cliente no veículo e ao parar para pegar o suposto "passageiro", e quando este já estava dentro do carro, à vítima disse que foi rendida pelo bandido.

Armado com uma pistola, o indivíduo o obrigou a ir ao encontro de outro criminoso no mesmo bairro. Depois do embarque do segundo bandido, também armado, eles ameaçaram o taxista e mandaram que os levasse até a casa da vítima, que fica no Sílvio Leite. Segundo o taxista, os bandidos disseram que sabiam sobre ele e que tinha joias guardadas em casa.

A vítima seguiu a determinação dos ladrões e foi para casa, onde também foi rendida a mulher dele gravida de sete meses e pelo menos um cunhado. O taxista disse que entregou joias e mais R$ 5 mil que tinha guardado em casa. Além das joias e dinheiro os criminosos ainda roubaram o celular dele.

Logo depois os assaltantes obrigaram o taxista a seguir com eles até o bairro Cidade Satélite. Segundo a vítima, durante o percurso ouviu quando um deles falou com outro criminoso para que fosse busca-los. Além do taxista, a mulher dele, o cunhado e a passageira também foram levados e logo depois todos foram liberados próximos de uma ponte de acesso ao bairro Cidade Satélite.

Antes, conforme o taxista, um dos bandidos disse que ia deixar o táxi abandonado perto dali. A vítima disse que coma ajuda de terceiros ligou para a Polícia Militar para informar do roubo. Também informado por populares ele encontrou o taxi abandonado no bairro Cidade Satélite.

Uma equipe da PM foi ao local e através de uma bolsa esquecida pelos ladrões dentro do taxi, identificaram um dos assaltantes, que foi reconhecido por foto pelo taxista. Depois disso os policiais foram a um endereço de uma conta de luz que estava na bolsa e falaram com a avó dele, mas o criminoso não foi encontrado. O taxi foi restituído à vítima e o caso foi repassado à Polícia Civil.

VEJA TAMBÉM...