Polícia

Homem morre no HGR após ser esfaqueado no pescoço pela mulher

Jhonatan Souza do Nascimento, 30, foi socorrido com vida e levado ao Pronto-Socorro Francisco Elesbão, mas ele não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu poucas horas depois


Homem chegou a ser socorrido e levado ao HGR, mas não resistiu aos ferimentos - Arquivo

A violência contra a mulher em todo o país é fato repetitivo no cotidiano policial, e quase que sempre elas levam a pior. Em Roraima, esse quadro não é diferente, porém, no final da noite dessa terça-feira (7), a briga de um casal, na Zona Oeste de Boa Vista teve um desfecho inesperado. Ao reagir para se defender, depois de ser agredida pelo companheiro, uma mulher de 32 anos acabou por esfaqueá-lo no pescoço e na perna.

Jhonatan Souza do Nascimento, 30, foi socorrido com vida e levado ao Pronto-Socorro Francisco Elesbão, mas ele não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu poucas horas depois, já na terça-feira (8). Ainda na madrugada de terça, cerca de três horas depois de esfaquear o companheiro, Fabíola da Silva Barbosa se apresentou espontaneamente no Plantão da Polícia Civil, foi qualificada e interrogada pela delegada de plantão, Eliane Gonçalves, e depois foi liberada.

A reportagem do Roraima em Tempo teve acesso ao interrogatório de Fabíola Barbosa. Ela contou na delegacia que vivia maritalmente com Jhonatan Nascimento, há quase dois anos e que desde o início do relacionamento era agredida pelo companheiro. Lembrou que certa vez o casal chegou a ser conduzido para aquele mesmo Plantão da Polícia Civil, depois de ela denunciar que tinha sido agredida por ele mais uma vez, mas naquela ocasião o suspeito acabou liberado.

Mais informações na edição impressa do Roraima em Tempo desta quinta-feira (9).

VEJA TAMBÉM...