Questão de Opinião

A arte de um povo é a sua alma viva!

Mesmo com sol a pino, Porto Alegre acinzentou-se, morreu Danúbio Gonçalves, um dos mais importantes artistas plásticos


"Érico Verissimo escreveu que o temperamento aguerrido dos gaúchos prejudicou o desenvolvimento das artes plásticas no Estado. No entanto surgiu em 1950 o Clube de Gravura, conhecido como 'o grupo de Bagé', com os amigos Danúbio Gonçalves, Glauco Rodrigues, Glênio Bianchetti e Carlos Scliar. Os 4 Cavaleiros desbravadores das Artes Plásticas Gaúchas".

Para Ivan Turgueniev, escritor russo, "A arte de um povo é a sua alma viva, o seu pensamento, a sua língua no significado mais alto da palavra; quando atinge a sua expressão plena, torna-se patrimônio de toda a humanidade, quase mais do que a ciência, justamente porque a arte é a alma falante e pensante do homem, e a alma não morre, mas sobrevive à existência física do corpo e do povo."

Mesmo com sol a pino, Porto Alegre acinzentou-se, morreu Danúbio Gonçalves, um dos mais importantes artistas plásticos do gaúchos, na manhã deste domingo (21). Pintor, desenhista e gravurista premiado, vivia em uma clínica geriátrica na Capital, onde morreu dormindo.

Homem de pouca fala e de personalidade reservada, assim era descrito pelas pessoas próximas. Obstinado, nem mesmo o frio intenso da campanha gaúcha o intimidava quando a intenção era retratar as paisagens típicas do Pampa, audacioso por natureza, chegou a fazer voo de balão para pintar o colorido festival de balonismo de Torres.

Um dilúvio de lágrimas lavaram o painel Epopeia Rio-grandense, Missioneira e Farroupilha, localizado no Centro Histórico de Porto Alegre. Feito com 555 lajotas e porcelanatos em uma extensão de 16,5 metros de largura por 3 metros de altura, retrata de forma cronológica a Revolução Farroupilha, as Missões de Sepé Tiaraju, a luta entre os espanhóis e os índios guaranis, por Garibaldi, pelos Lanceiros Negros, pela proclamação da República Rio-Grandense e finaliza com Bento Gonçalves, seu Trisavô.

Além deste painel, há obras espalhadas pelo Brasil e no Exterior. Incluindo coleções particulares e acervos de museus como de Arte do Rio Grande do Sul Ado Malagoli, Pinacoteca Pública APLUB, Nacional de Belas artes, no Rio de Janeiro, Pinacoteca Municipal de São Paulo, de Arte Contemporânea e no de Arte Moderna, ambos de São Paulo.

Érico Verissimo escreveu que o temperamento aguerrido dos gaúchos, moldado nos embates e pelejas ao longo da formação histórica e política do Rio Grande do Sul, prejudicou o desenvolvimento das artes plásticas no Estado.

No entanto surgiu em 1950 o Clube de Gravura, conhecido como "o grupo de Bagé", com os amigos Glauco Rodrigues, Glênio Bianchetti e Carlos Scliar. Os 4 Cavaleiros desbravadores das Artes Plásticas Gaúchas.

Esteve com grandes nomes da arte brasileira, frequentando o ateliê de Cândido Portinari, com Iberê Camargo. Morou no Rio de Janeiro, onde conviveu com o paisagista e pintor Burle Marx e em Paris, estudando por dois anos.

Viajou por grande parte do mundo, sua grande alegria foi ter conhecido o muralista mexicano Diego Rivera e sua esposa Frida Kahlo, que influenciaram em suas obras.

Vá em Paz, Danúbio, o último dos Cavaleiros Desbravadores das Artes Plásticas!

ROGÉRIO VAZ DE OLIVEIRA - O autor é Relações Públicas. [email protected]


SEE ALSO ...