Últimas Notícias

Senador de Roraima faz terceira viagem internacional em quatro meses de mandato

Nova viagem foi para o Cazaquistão, onde ele acompanhou as eleições para presidência do país


Chico foi enviado como observador internacional, segundo ele - Divulgação/Senado Federal

O senador de Roraima Chico Rodrigues (DEM) viajou para o Cazaquistão. Ele participou das eleições no país como 'observador internacional', segundo o próprio parlamentar em pronunciamento numa rede social, nessa segunda-feira (10). Não consta no Portal da Transparência quanto o Senado gastou para enviar o político roraimense à nação centro-asiática.

Essa é a terceira viagem internacional que o senador faz durante quatro meses de mandato. Ele já visitou Canadá e Israel e recebeu R$ 20 mil em diárias e passagens pelos dois destinos, de acordo com o Portal da Transparência.  

No vídeo gravado na capital do país, Nursultan, o senador afirma que a Justiça Eleitoral determinou que fosse fiscalizado o processo de escolha dos novos dirigentes do país. Kasim-Jomart Tokáyev venceu o pleito presidencial com 70,76% dos votos, segundo os resultados oficiais divulgados pela Comissão Eleitoral Central.

"Estamos aqui [na capital do Cazaquistão], onde está sendo realizada a recontagem dos votos. Passamos o dia todo acompanhando as eleições, verificando o processo eleitoral como observador internacional, eu e o senador Jaques Wagner, e verificamos que o processo é de absoluta normalidade", disse em vídeo.

Essa não é a primeira vez que o senador mantém contato com dirigentes do Cazaquistão. Em fevereiro deste ano, Chico Rodrigues se encontrou com o embaixador Kairat Sarzhanov.

Segundo o governo cazaquistanês, "durante as discussões, as partes trocaram opiniões sobre o desenvolvimento do diálogo interparlamentar e várias atividades do grupo parlamentar de amizade Brasil - Cazaquistão".

"O Senador reafirmou a importância de expandir e intensificar os laços interparlamentares e manifestou interesse em continuar a promover o diálogo político e reforçar a cooperação bilateral em comércio e investimento", diz publicação da embaixada do país.

VIAGENS

Durante seis dias no Canadá, o senador ficou na cidade de Toronto para participar de "missão oficial" à convenção anual da Prospectors and Developers Association of Canada - PDAC. O assunto, segundo informações do evento, é a exploração mineração e depósitos minerais.

A convenção se destaca por atrair investidores, profissionais e representantes governamentais em um ambiente de negócios e debates que engloba os mais variados assuntos relacionados ao setor. Uma comitiva do Brasil foi enviada ao Canadá entre os dias 1 e 6 de março.

O segundo destino internacional de Chico Rodrigues foi Israel, para acompanhar o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro (PSL), com o qual mantém relação próxima. Por essa viagem ele recebeu R$ 8,3 mil. Foram cinco diárias para, especificamente, participar da comitiva de Bolsonaro.

SEE ALSO ...