Geral

Governo terá 72 horas para explicar mudanças de comando na Petrobras

Pedido foi feito por André Prado de Vasconcelos, da 7ª Vara Federal de Minas Gerais

Créditos: Uol Notícias
Bolsonaro anunciou o nome de Joaquim Silva e Luna para o comando da Petrobras - Divulgação/Agência Brasil

O Governo Federal terá 72 horas para explicar a Justiça Federal o porquê das mudanças de comando na Petrobras. A decisão foi proferida nesta segunda-feira (22) pelo juiz André Prado de Vasconcelos, da 7ª Vara Federal de Minas Gerais.

Na decisão, o magistrado diz que a manifestação prévia "se dá, exclusivamente, para fins de análise do pedido de liminar, sem prejuízo de futura citação e consequente abertura de prazo para contestação". A medida é também uma resposta a um pedido de liminar em uma ação popular que pede para que seja barrada a mudança na gestão da empresa.

O Conselho da administração da estatal se reunir nesta terça-feira (23) para deliberar o nome do general Joaquim Silva e Luna, indicado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para substituir Roberto Castello Branco.

 

 

SEE ALSO ...