Mundo

Donald Trump prorroga por um ano decreto de emergência contra Venezuela

Iniciativa começou na gestão do presidente Barack Obama, em março de 2015


Decreto inclui sanções contra funcionários do governo de Nicolás Maduro

O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, prorrogou por mais um ano o decreto de emergência nacional na Venezuela. A iniciativa começou na gestão do presidente Barack Obama, em março de 2015. Para Trump, a situação no país sul-americano não melhorou e deve ser considerada uma ameaça à segurança norte-americana.

O decreto inclui sanções contra funcionários do governo de Nicolás Maduro e restrições econômicas. O aumento de sanções à Venezuela foi anunciado, no mês passado, durante reunião do Grupo de Lima, na Colômbia, da qual participou o vice-presidente dos EUA, Mike Pence.

Em comunicado enviado ao Congresso, Trump diz que a Venezuela representa "ameaça à segurança nacional dos Estados Unidos".

Em resposta, o governo venezuelano chama a renovação da medida como "um erro histórico" no contexto de agressão econômica e ameaças.

VEJA TAMBÉM...