Notícias Locais

Suspeito de assalto a banco segue internado no HGR; outro foi liberado pela equipe médica

Fernando dos Santos Carneiro não teve o quadro de saúde informado; Weverson Jesus foi diagnosticado e liberado

Créditos: DA REDAÇÃO
Ã? esquerda Fernando Carneiro; à direita está Weverson Jesus - Divulgação

Fernando dos Santos Carneiro, um dos suspeitos do assalto ao Banco do Brasil, segue internado no Hospital Geral de Roraima (HGR). Ele foi um dos quatro assaltantes que tentaram levar um malote de dinheiro de uma agência localizada no bairro Santa Tereza, quando foram impedidos pelo sargento da Polícia Militar Josué Santos, que morreu atingido por três tiros.

O quadro de saúde de Fernando dos Santos, mais conhecido como "Máscara", não foi informado à reportagem. Albergado do sistema prisional de Roraima, ele foi atingido pelos disparos e chegou com o fêmur quebrado à unidade de saúde.

Weverton Jesus dos Santos recebeu atendimento médico e foi liberado. Ele tinha sido atingido com um tiro na virilha, conforme informado à reportagem pela PM. O suspeito era foragido da Cadeia Pública Masculina de Boa Vista.

MORTOS

Além do sargento Josué Santos, os assaltantes Igor Nascimento, chamado de "R2", e Wennersom levaram tiros dos militares, foram conduzidos ao HGR, mas não resistiram aos ferimentos e morreram ainda a caminho da unidade de saúde. Igor estava em liberdade há poucos dias. Todos os quatros era integrantes de facção criminosa.

O militar morto era do 2º Batalhão da Polícia Militar e tinha 46 anos. Casado, ele tinha um filho de 15 anos e uma menina de 11. Houve várias manifestações de pesar em prol do agente.

ASSALTO

Nessa sexta-feira (9), criminosos invadiram uma agência do Banco do Brasil para levarem um malote de dinheiro de uma empresa. Na saída, foram surpreendidos pelo policial que reagiu e foi atingido com dois tiros no tórax e um na cabeça. A polícia localizou todos os quatro envolvidos, trocou tiros com os criminosos, matando dois e ferindo outros dois.

SEE ALSO ...