Últimas Notícias

'Não tenho medo da CPI da Saúde', afirma governador de Roraima

Declaração foi dada ao Roraima em Tempo durante Seminário Internacional de Polícia Comunitária

Créditos: Bryan Araújo
Governador disse que é desejo dela que investigações aconteçam - Arquivo/Agência Brasil

O governador de Roraima, Antonio Denarium (PSL), disse ao Roraima em Tempo não temer a instauração de Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que propõem investigar denúncias sobre a saúde estadual. O chefe do Executivo participou do Primeiro Seminário Internacional de Polícia Comunitária em Área de fronteira, ontem (21).

"É muito importante que todas as ações do governo sejam conferidas, eu não tenho medo de CPI. Eu quero que confira as contas públicas, se tiver algum caso de desvio de conduta que seja apurada e a pessoa responsável seja penalizada", comentou.

Segundo o governador é desejo dele que todas as denúncias apresentadas sejam apuradas e os responsáveis penalizados. "Todas as contas do Estado estão no portal da transparência, nós não temos nada para esconder de ninguém. Solicito a todos os nossos secretários que trabalhe com clareza e transparência, aplicando corretamente o dinheiro público", esclareceu.

Em resposta às recentes críticas de deputados estaduais na Assembleia Legislativa à sua gestão, o chefe do Executivo disse não possuir adversário político e que aceita ajuda daqueles que direcionam críticas ao Governo.

"Aqueles que falam mal venham para dentro ajudar aqui, eu estou precisando daqueles que falam mal, eles sabem de tudo, venham ajudar o Governo a resolver os problemas que estão sendo criticados", comentou.

COMISSÃO

O requerimento pedindo a abertura da investigação foi protocolado na Assembleia Legislativa de Roraima (ALERR) no mês de abril. Na época, 18 parlamentares assinaram o pedido. O presidente da Casa, Jalser Renier (SD), aguarda o parecer jurídico da procuradoria sobre a legalidade da solicitação para instaurar a CPI.

"Vai ser [instaurada]. Nós já chegamos à conclusão, pela quantidade de assinaturas, pelo princípio da constituição, pela razoabilidade. Nós vamos atender o pedido dos senhores deputados, da população e vamos abrir uma Comissão Parlamentar de Inquérito, para analisar essas questões da saúde pública", assegurou Renier na última terça-feira (20).

A deputada Betânia Almeira (PV), que cobra incessantemente a intalação da CPI, disse que sempre acreditou na possibilidade da investigação. "Embora muitos diziam que não, ouvimos do presidente que está aguardando apenas o parecer, que certamente será favorável", comentou.

A parlamentar foi enfática ao dizer que a investigação vai se debruçar, principalmente, nos primeiros sete meses da gestão de Denarium.

SEE ALSO ...