Últimas Notícias

Boletim de ocorrência pode ser registrado pela internet; serviço foi implantado pela Polícia Civil

Solicitante pode registrar perda, furto ou extravio de bens; governo estima economia de 20%

Créditos: Winicyus Gonçalves
Governo estadual também quer reduzir gastos - Arquivo/Roraima em Tempo/Ilustrativa

Quem precisar registrar um boletim de ocorrência em Roraima sem se dirigir a uma delegacia poderá fazer de forma online. A Polícia Civil de Roraima anunciou nesta quarta-feira (25) que o serviço já está disponível no site da instituição.

Em abril deste ano, foi assinado um acordo de cooperação técnica com a Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, para a utilização do Sistema de Delegacia Online e capacitação dos policiais responsáveis pela implantação do sistema.

Com a iniciativa, o governo estadual também quer reduzir gastos. De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil em Roraima, Herbert Amorim, a economia estimada com o serviço online chega a 20% do valor disponibilizado às delegacias.

"O governo não precisou desembolsar nada para aderir ao serviço, uma vez que foi cedida gratuitamente pela Secretaria de Segurança Pública do Maranhão e está sendo implementada na estrutura física e operacional já existente", esclareceu Amorim.

CASOS SIMPLES

A princípio, poderão ser feitos os registros de perda e extravio de bens, documentos e objetos, inclusive aparelhos celulares, situação para fins de preservação de direitos e furtos simples de alguns tipos de bens e documentos.

O registro do boletim de ocorrência será realizado por meio do preenchimento de formulários no site, em que será preciso informar dados pessoais, assim como as informações sobre a infração a ser denunciada. O solicitante deverá ter uma conta de e-mail e acesso à internet para solicitar o registro de BO.

É necessário informar o local e as circunstâncias em que se ocorreu o caso. No momento da solicitação, ele prestará as informações necessárias ao registro e receberá um número de protocolo.

Após finalizar o preenchimento, os dados são enviados para o Setor de Inteligência da Polícia Civil, que será responsável por fazer a análise do conteúdo do boletim e de determinar se o boletim será feito online ou se será necessário ir até à delegacia.

Amorim esclareceu que a resposta sobre o BO Online chegará ao e-mail cadastrado no sistema. "Quem solicita o Boletim de Ocorrência poderá receber a resposta entre 10 e 20 minutos", explica o delegado-geral.

O BO digital possui o mesmo valor que o boletim registrado diretamente em uma delegacia e é assinado eletrônicamente por um Delegado de Polícia. Para realizar um boletim de ocorrência eletrônico, é preciso ser maior de idade e ser portador de RG e CPF válidos.

DISTRITOS

A Polícia Civil confirmou durante a coletiva que o governador Antonio Denarium (PSL) autorizou a liberação de recursos estaduais para a conclusão da obra do 2° Distrito Policial, localizado no bairro Buritis, zona Oeste de Boa Vista.

A obra está parada deste 2015, após o convênio com o governo federal ter vencido. O valor total chega a R$ 1,3 milhão. Denarium também liberou R$ 500 mil para a manutenção de outros prédios da Polícia Civil.

Amorim anunciou ainda que a Delegacia de Caracaraí, ao Sul de Roraima, será entregue no próximo mês e as obras do 1° Distrito Policial, onde funcionava a antiga Delegacia da Mulher, serão concluídas em janeiro de 2020.