Últimas Notícias

Garimpo ilegal: dois helicópteros são apreendidos e 20 pessoas são detidas em fazenda, no Amajari

Local era utilizado como ponto de passagem para atuação no garimpo na Terra Indígena Yanomami

Créditos: Da Redação
Entre produtos apreendidos estão celulares, armas, munições e mais de R$ 10 mil - Divulgação/PM

Vinte pessoas foram detidas e dois helicópteros apreendidos, nesse domingo (13), em uma fazenda, localizada no município de Amajari, vicinal Bom Jesus, na região do Trairão. O local era utilizado como passagem para o garimpo ilegal na Terra Indígena Yanomami.

Conforme a Companhia Independente de Policiamento Ambiental (Cipa) da Polícia Militar de Roraima (PMRR), além das aeronaves, 73 carotes de combustível, documentos, celulares, um veículo, 60 munições, geradores de energia, rádio, botijas de gás, joias, pepitas de ouro, compressor, balanças, motosserra, GPS, duas armas e mais de R$ 10 mil também foram apreendidos.

De acordo com a PM, a operação teve início após denúncias de que suspeitos estariam armazenando combustível que seria destinado ao garimpo.  A equipe policial confirmou a informação com uso de um drone. Ao perceberem a presença da PM, suspeitos que estavam no imóvel fugiram do local nas aeronaves. 

Entre os presos, estão quatro venezuelanos. Uma das suspeitas confirmou que era garimpeira e ter realizado trabalhos em Roraima e no Suriname.

Outro suspeito preso afirmou que, junto com outros quatro homens, realizavam apenas serviços na residência.

Após a chegada do reforço policial, as duas aeronaves utilizadas para transporte na região foram localizadas e apreendidas.

Ao todo, segundo a polícia, 20 pessoas foram detidas. O caso será investigado pela Polícia Federal.

SEE ALSO ...