Últimas Notícias

Guiana ultrapassa 1,4 mil casos de coronavírus e tem 14 pacientes em estado grave

País vizinho contabilizou 44 mortes pela doença e mantem quase 540 pessoas em isolamento

Créditos: Da Redação
Toque de recolher no país voltou a ser das 18h às 6h para evitar propagação do vírus - Divulgação/Ministério da Saúde da Guiana

O Ministério da Saúde da Guiana contabilizou 1.401 casos confirmados de coronavírus na noite dessa quinta-feira (3). O país tem 44 mortes registradas em decorrência da doença.

Segundo o boletim epidemiológico da pasta, há 14 pacientes internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 538 pessoas em isolamento. Outras 98 cumprem quarentena e 805 são consideradas recuperadas. As mulheres representam maioria dos infectados no país.

O governo guianense estendeu as medidas sanitárias até o fim de setembro, após a população solicitar que o toque de recolher voltasse a ser das 18h às 6h. O comércio local foi reaberto em julho e houve aumento no número de infectados.

FRONTEIRA

A Região Nove, onde fica a cidade de Lethem, tem 243 diagnósticos positivos e é a segunda localidade mais afetada pelo vírus no território vizinho.

A fronteira entre Brasil e Guiana segue fechada em determinação do governo brasileiro.