Últimas Notícias

Soldado Sampaio é eleito novo presidente da Assembleia Legislativa de Roraima

Votação ocorreu na tarde desta sexta-feira (29) após o Supremo Tribunal Federal (STF) afastar Jalser Renier

Créditos: Da Redação
Sampaio deixou a Casa Civil para concorrer e venceu - Divulgação/ALE-RR

O deputado Soldado Sampaio (PC do B) foi eleito novo presidente da Assembleia Legislativa de Roraima (ALER-RR). A votação ocorreu na tarde desta sexta-feira (29) após o Supremo Tribunal Federal (STF) afastar Jalser Renier (SD) da presidência e ordenar escolha da mesa diretora. Jalser não compareceu.

Aurelina Medeiros (Pode) presidiu a sessão extraordinária, já que é a deputada com mais legislaturas na Casa. Sampaio concorreu em chapa única e foi eleito por unanimidade com 19 votos. Além dele, a mesa será composta pelos seguintes nomes:

  • Marcelo Cabral - 1º vice-presidente
  • Renato Silva - 2º vice-presidente
  • Eder Lourinho - 3º vice-presidente
  • Jeferson Alves 1º secretário
  • Aurelina Medeiros - 2º secretário
  • Tayla Peres - 3º secretário
  • Gabriel Picanço - 4º secretário
  • Nilton do Sindpol - corregedor-geral

Policial militar, Sampaio foi reeleito para o terceiro mandato em 2018 com 4.678 votos. Natural do Maranhão, é formado em Ciências Contábeis. Já passou pelas comissões de Administração, Serviços Públicos e Previdência; Defesa Social, Segurança Pública e Sistema Penitenciário; de Defesa dos Direitos Humanos; Orçamento; e Políticas Indigenistas.

Estiveram presentes na sessão: Ângela Águida Portella (PP), Aurelina Medeiros (Pode), Betânia Almeida (PV), Catarina Guerra (SD), Chico Mozart (PRP), Coronel Chagas (PRTB) Eder Lourinho (PTC), Evangelista Siqueira (PT), Gabriel Picanço (Republicanos), Jânio Xingú (PSB), Jeferson Alves (PTB), Marcelo Cabral (MDB), Neto Loureiro (PMB), Nilton do Sindpol (Patri), Odilon (Patri), Renato Silva (Republicanos), Renan Filho (Republicanos), Soldado Sampaio (PC do B), e Tayla Peres (PRTB).

Faltaram: Dhiego Coelho (PTC), Jalser Renier (SD), Jorge Everton (MDB), Lenir Rodrigues (Cidadania), e Yonny Pedroso (SD).

NOVA ERA

Sampaio dá início ao mandato como presidente depois de três mandatos de Jalser Renier. Os dois já protagonizaram discussões acirradas no Plenário da Assembleia, que se estenderam à Justiça Estadual. Em 2019, ele disputou a presidência contra Renier, mas perdeu.

Em junho do ano passado, em meio ao pico da pandemia de coronavírus em Roraima, Legislativo e Executivo fizeram o que denominaram pacto pela governabilidade. As negociações resultaram na indicação de Soldado Sampaio para assumir a Casa Civil e Marcelo Lopes para a Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

Na segunda-feira (25), quando o ministro Alexandre de Moraes afastou Jalser, Soldado Sampaio pediu exoneração da secretaria e iniciou uma campanha em prol da presidência. Assembleia e deputado Jalser ainda recorreram para cassar a decisão da Corte, mas não conseguiram.

O ministro aplicou o novo entendimento do STF de que membros de mesas diretoras não podem ser reconduzidos, como ocorreu na Câmara dos Deputados e no Senado Federal, em 2020. A decisão está amparada na Constituição da República.